dicas musicais de qualidade

Que passo pra trás o mundo deu, hein xuventude?!

america-was-never-great

Vamos deixar o assunto de lado agora pra dar duas dicas musicais de qualidade pra vocês!

make-america-chiveta-again

Brvnks é ensolarada, é de Goiânia e lançou este ano o EP Lanches com quatro canções fofas. Brvnks na verdade é Bruna Guimarães, que além de compor, gravou tudo sozinha. Pegada dream pop, lo-fi & shoegazing, inevitavelmente com um pé [descalço na areia fofa] de Best Coast. O EP foi gravado por ela e Edimar Filho [do Black Drawing Chalks], que produziu & mixou, masterizado por Braz Torres [do Hellbenders] e saiu pela
Dull Dog Records [dulldogrecords.bandcamp.com + facebook.com/dulldogconspiracy]. E abaixo você saboreia!

Olha que boniteza o vídeo de Don’t! Ele foi gravado no Complexo Estúdio, em Goiânia, com imagens e edição por Diogo Fleury, Rodrigo Cunha e Victor Souza. Mais da Brvnks em: brvnks.bandcamp.com + facebook.com/brvnks

Não tem como desvincular o nome de Clemente Nascimento aos primórdios do punk rock brasileiro. Em 1978, ele já aprontava com o Restos de Nada, depois entrou para o N.A.I., que virou Condutores de Cadáver e anos depois “evoluiu” para Inocentes, que segue na batalha até hoje. Vale lembrar que desde 2004 ele também integra a brasiliense Plebe Rude. Agora ele ataca com Clemente & A Fantástica Banda Sem Nome, bem acompanhado por Johnny Monster [que nos anos 90 era do RIP Monsters, nos 2000 do Daniel Belleza & Os Corações em Fúria e mais recentemente nos Ramongos] na guitarra, Joe Gomes [que tocava com a Pitty] no baixo e Rodrigo Cerqueira [conhecido pela atuação em nomes como Skuba, Firebug & Easy Big Fella] na bateria. Antes Que Seja Tarde acaba de sair, traz um punhado de canções cheias de rock e groove, vide Tosco Blues e Os Sinais. Destaque para Nada Mais, com cara de hit single pronta pra tocar nas rádios, e a atordoante A Noite Passa Tão Devagar que encerra o álbum. Do disco Sob Controle dos Inocentes, de 2014, veio As Verdades Doem porém com um gostoso swing suavemente jamaicano. Ricardo Galano [Não Há Mais Volta, Ramongos e parceiro do CPM22 em alguns sons] co-assina Corações Solitários com Clemente & Johnny. Pelo currículo dos músicos envolvidos não tinha como esperar qualidade diferente. Baita disco! Mande aquele playzinho abaixo!

O disco foi gravado, mixado e masterizado no estúdio Espaço Som por Wagner Bernardes, Bruno Scarabotto, Lou Alves e Leandro Anani e lançado pela HBB Records [hbbrecords.com + facebook.com/hbbrecords]. Eu e a Pepê ouvimos atentamente e apreciamos a bela arte do digipack & encarte. Mais: facebook.com/Clemente-A-FantAstica-Banda-Sem-Nome

clemente-e-a-fantastica-banda-sem-nome-antes-que-seja-tarde

Espero que tenham curtido as dicas musicais de qualidade no post, deixem suas impressões e compartilhem com as pessoinhas coleguinhas!

Não deixem de transar: facebook.com/ChivetaZine | instagram.com/chiveta + ENJOEI #comprem

Notícias relacionadas:
post motivacional pra dar um pá na semana + MC Ludmilla, Bruce Dickinson, Dee Dee Ramone, Ramones, Corey Taylor, Luisa Maita, banda Zeitgeist, AFI e SepultAngra
dicas e novidades musicais + A Ferramenta, Inky, Os Replicantes e 3D
post transado com novidades musicais + Decurso Drama, Inner Kings, Statues On Fire e Chalk Outlines
quatro EPs para vossa apreciação! + Brain Stoker, Lâmina, Eliminadorzinho e Christian Targa & Surf Aliens
Ouvimos antes: Flamboyant, do Zander
novidades musicais + Far From Alaska, Get Dead, ValvulosA, Islander, Labirinto & A Giant Dog
teve golpe, mas no chiveta tem música! + Five Minutes To Go, Bear Fight, 38Mil Manos e Prophets Of Rage
Ouvimos: Peyote, disco da banda Hellbenders

Comentar via site Faces

comentários

2 thoughts on “dicas musicais de qualidade

  1. Brvnks não sei dizer se gostei. Achei a voz muito boa.

    Achei interessante esse disco do Clemente. Quando ouvi já fui de mente aberta porque imaginei que o som seria diferente dos Inocentes, De cara curti metade do disco e o resto aos poucos está ficando mais legal.

    • se achou a voz boa, algo de bom achou 😉

      talvez o do Clemente conforme for ouvindo vá gostando mais, a versão pro som do Inocentes eu gostei bastante! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *